segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Lhufas

A criação de expectativa em cima de algo, na maioria das vezes, causa muitas decepções. Confesso que não sou de esperar nada de ninguém ou de algo, acho que cada um tem que fazer as coisas pela simples vontade de fazer e não por esperar qualquer coisa que seja, entretanto, tem ocasiões onde você nem deseja nada, mas no final, você se supreende pois aquilo que não parecia ter futuro, acaba sendo melhor do que tudo que imaginaste.

Amigos que hão de dar um tempo fora da nossa família de amigos, amigos novos que te surpreendem de tão especiais. Tudo continua no mesmo ritmo, com alguns novos e outros nem tanto.

A cada dia perecebe-se quem são as pessoas que mais podem conviver com você, que podem te aceitar e gostar das mesmas coisas. A cada dia mais pessoas saem do seu ciclo para novas, que são tão parecidas, entrarem. Fato que mudamos ao decorrer da vida, contudo, procuramos sempre pessoas que possam se adequar a você e vice versa, pois dentre todas algumas ficarão para sempre, não importa a fase que estejas vivendo.

Algumas não te aceitam e nem te respeitam, ao ponto da difamação e calúnias virem à tona. E você tem que, nestas horas, se apegar àqueles que realmente são teus amigos e se importam contigo e sempre estarão com você quando a oposição vier tentar de destruir.

Aos caralhos todos aqueles que se importam demais com a vida alheia. À puta mãe de todos, aqueles que não sabem viver sem falar mal dos outros. Ao inferno os que querem ser que nem você e por falta de coragem preferem recorrer a hipocrisia. E os louros da vitória para aqueles que estão com você, não importando que aconteça.

3 comentários:

disse...

"E os louros da vitória para aqueles que estão com você, não importando que aconteça."


os louros pra mim entao... pq orque eu vou sempre estar, proxima ou distante, mas sabes que somos pra sempre, assim como a chuva da tarde.

te amo

Carolina Matos disse...

Cara, eu sempre acho incrível essas pessoas que acham que sabem demais, e que tem vivência e autoridade pra julgar, quem quer que seja, tais julgamentos são sempre de atitudes que eles nunca tiveram coragem de tomar. À merda com eles! Eles não sabem de nada, eles não sabem como é do lado daqui, do lado dos que vivem!Respeita a tua verdade cara... à merda com eles! Acredita que sempre vão existir aqueles amigos, pra te defender... pode contar comigo...

Beijo lowzinho... fique bem, e vamos voltar a nossa historinha que vale mais a pena! ;*



Ps: "amigos novos que te surpreendem de tão especiais."

Espero figurar nessas novas pessoas, porque você meu caro poetinha, figura nas minhas assim... de graça!

Luana disse...

e vamos ficar juntos, meu irmão! :)